Calor e Nutrição

DATA: 12-05-2020

A primavera está aí e o verão está quase a chegar. Com o calor é importante adaptarmos a nossa dieta, procurando escolhas adequadas que ajudem ao nosso bem-estar. Por isso, é essencial manter uma alimentação saudável e redobrar a atenção com alguns aspectos, nomeadamente, no que se refere à hidratação e à segurança alimentar, pois o calor tende a aumentar a proliferação de bactérias.

A pensar nesses cuidados, o Centro de Nutrição Milaneza elaborou algumas dicas que podes ter em conta nos meses de maior calor:

  • Fazer refeições mais leves e frequentes;
  • Nas refeições principais apostar mais ainda nas saladas, tendo sempre em conta a variedade e a sazonalidade dos legumes;
  • Se quiseres excluir a sopa por ser um prato demasiado quente, por que não optar por uma sopa fria? Além de refrescar, ainda hidrata e obténs as vitaminas, minerais e fibra próprias da sopa. Podes, por exemplo, cozinhar um gaspacho.
  • Uma outra forma de hidratar e obter estes nutrientes é incluir sempre a ingestão de várias peças de fruta ao longo do dia, quer nos lanches, quer à sobremesa das refeições principais. Opta por frutas da época como melancia, melão, morangos, cerejas, etc.
  • Mesmo que não sintas sede, mantém-te sempre hidratado. Dá asas à imaginação e prepara uma água aromatizada com limão e hortelã, por exemplo, ou um chá frio. Evita bebidas alcoólicas ou sumos com demasiado açúcar.
  • Tem especial cuidado de acondicionar ou transportar numa lancheira com cuvetes de gelo alimentos mais perecíveis como iogurtes, ovos ou queijo;
  • Numa altura de maior calor é normal que surja a vontade de comeres alguns alimentos mais ricos em açúcar, como os gelados. Deixa-os para ocasiões festivas ou opta por fazer em casa gelados caseiros com fruta e iogurte, por exemplo.
  • Se quiseres preparar uma sanduíche para o almoço tem o cuidado de incluir algum legume fresco como alface, tomate, pepino, beterraba ou cenoura, uma fonte de proteína como carne, peixe, ovos ou lacticínios e optar por pão integral ou mistura, com um maior teor de fibra.
  • E por que não preparar uns snacks saudáveis e frescos para levares sempre contigo? Tomates cherry e queijo fresco, palitos de cenoura ou pepino com húmus são alguns exemplos.
  • Não deixes de lado a prática diária de exercício físico! Com o tempo mais agradável, e seguindo as indicações da DGS, aproveita para dar uma corrida, fazer caminhadas ao ar livre ou andar de bicicleta.

 

Estes são apenas alguns conselhos que te poderão ajudar na alimentação de todos os dias. O Centro de Nutrição Milaneza está disponível para responder a mais dúvidas ou questões sobre alimentação. Só tens de nos enviar um email para: centronutricao.milaneza@cerealis.pt